Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pedro Rolo Duarte

29
Mai10

Como não ganhar um cliente em 3 partes

 

Parte 1.

Entro numa loja Vodafone para obter uma informação sobre determinados serviço. Simpático e solícito, o funcionário esclarece que aquilo que pretendo não pode ser tratado no balcão, mas sim por telefone e depois encaminhado para onde me disserem. Dá-me um número: 16014200.

Parte 2.

Chego a casa, ligo para o número, atende-me um simpático funcionário a quem repito tudo o que já tinha dito na loja. Que sim, mas que não era ali, ou melhor, eu deveria ligar um outro número, de resto gratuito: 800910200.

Parte 3.

Ligo o número gratuito, espero cinco minutos que atendam, por fim um simpático funcionário ouve-me repetir pela terceira vez o mesmo pedido. Pede-me para esperar. Regressa à linha e diz: sim senhor, há com certeza informações sobre o que pretendo, mas neste caso a Vodafone entra em contacto comigo se eu fizer o favor de dar o meu número de telemóvel.

Explico que não vou dar numero algum de telefone, por razões longas de explicar mas que os leitores podem encontrar aqui. Explico também que, sem alternativa, vão perder um potencial cliente de um determinado serviço. Nada a fazer. Sem o meu contacto, nada feito.

Sem alternativa, desligo e esqueço o assunto.

4 comentários

Comentar post

Blog da semana

Retrovisor. Quem lia A.B.Kotter no velho Semanário habituou-se a gostar de ler José Cutileiro. Neste blog, a escrita é outra, mas continua a ser uma delícia. Pena que o "Expresso", que o tem como colaborador, não lhe dê mais espaço...

Uma boa frase

“Este ano será de vida nova, não por mérito ou culpa própria: nós por cá todos bem. Mas Trump, Brexit, Putin, Estado Islâmico, tudo cada vez mais desigual e cada vez mais perto de tudo, vão meter-nos as novidades pela porta dentro, boas e más. Sobretudo más." José Cutileiro, Retrovisor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais comentários e ideias

pedro.roloduarte@sapo.pt

Seguir

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D