Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pedro Rolo Duarte

28
Out14

Cinquenta, primeiro capítulo: “ao perto”

Uso óculos desde os 16 anos. Ligeira miopia e astigmatismo que, ao longo dos anos, evoluíram lenta e tranquilamente, sem nunca me darem grande trabalho ou despesa. A ultima vez que fiz o exame completo aos olhos, num oftalmologista como deve ser, foi-me elogiada a “tensão ocular” e tudo estava em ordem.
Há uns meses, comecei a sentir que a graduação dos óculos que usava estavam a falhar o objectivo, tanto “ao longe” como “ao perto”. Lá fui rever a coisa e confirmou-se que havia alterações na graduação. O optometrista insistia que eu devia tentar lentes progressivas, pois os novos óculos que estava a comprar não teriam grande efeito na vista “ao perto”, corrigindo apenas a “geral”. Do alto da minha presunção, pensei: ora, se usei uns óculos únicos para perto e longe toda a vida, não é agora que isso vai mudar.
Pois não.
Há semanas, já um pouco irritado por ver cada vez pior “ao perto”, comprei um par daqueles óculos “de leitura” que se vendem nas farmácias. Nos primeiros dias foram-me muito úteis para ler jornais ou bulas de medicamentos. Agora, já preciso deles para o computador, para o telefone, para tudo o que é “ao perto”.
O optometrista tinha razão. E eu começo a perceber o que é ter 50 anos.

1 comentário

Comentar post

Blog da semana

Retrovisor. Quem lia A.B.Kotter no velho Semanário habituou-se a gostar de ler José Cutileiro. Neste blog, a escrita é outra, mas continua a ser uma delícia. Pena que o "Expresso", que o tem como colaborador, não lhe dê mais espaço...

Uma boa frase

“Este ano será de vida nova, não por mérito ou culpa própria: nós por cá todos bem. Mas Trump, Brexit, Putin, Estado Islâmico, tudo cada vez mais desigual e cada vez mais perto de tudo, vão meter-nos as novidades pela porta dentro, boas e más. Sobretudo más." José Cutileiro, Retrovisor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais comentários e ideias

pedro.roloduarte@sapo.pt

Seguir

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D