Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pedro Rolo Duarte

11
Set09

Cenário sem cena

Ontem à tarde fui gravar o “Fala Com Elas”, como todas as quintas-feiras. E ao passar por este canto do estúdio 3 de Paço de Arcos, parei e fiquei a olhar a mesa, as cadeiras, o vazio à volta. Eram seis da tarde e estavam quatro ou cinco técnicos por ali.

Vazia, aquela mesa não faz sentido de qualquer espécie ou ponto de vista. Parece uma parte de qualquer outra coisa que lá não está.

Sem luzes, sem os protagonistas, sem a tensão e a adrenalina do directo, aquela mesa é um mono e aquele espaço um amedrontado canto de estúdio.

... E no entanto, quer-me parecer que à volta desta mesa há milhares de portugueses a decidir um voto. Essa decisão vale quatro anos de vida e tudo o que isso implica.

Talvez por tudo isto que vos conto, ao decidir tirar uma fotografia da mesa vazia, senti-me na obrigação de perguntar aos técnicos se não se importavam que o fizesse. Como se a mesa fosse um quadro ou uma obra de arte. Ninguém me respondeu. Para eles, aquilo é um cenário que morre amanhã, sábado, para todo o sempre.

Os cenários nunca se repetem. Como os momentos que nele se vivem.

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 12.09.2009 23:48

    ri-te ri-te avozinha

  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Blog da semana

    Gisela João O doce blog da fadista Gisela João. Além do grafismo simples e claro, bem mais do que apenas uma página promocional sobre a artista. Um pouco mais de futuro neste universo.

    Uma boa frase

    Opinião Público"Aquilo de que a democracia mais precisa são coisas que cada vez mais escasseiam: tempo, espaço, solidão produtiva, estudo, saber, silêncio, esforço, noção da privacidade e coragem." Pacheco Pereira

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mais comentários e ideias

    pedro.roloduarte@sapo.pt

    Seguir

    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D