Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pedro Rolo Duarte

25
Set12

Na melhor revolução cai a nódoa... (ou o clássico "não há almoços grátis")

 

 

Reportagem da revista VIP desta semana com a protagonista da foto-simbolo das manifestações de 15 de Setembro. Claro que "gostava que (esta súbita fama) me desse uma oportunidade profissional". E a pérola: "Gosto muito de fotografia. Não sou vaidosa, mas gosto de me sentir bonita. Revelei a minha faceta feminina. Além de pacífica, também sou mulher".

Vou passar a usar esta construção. Primeiros exemplos: além de Benfiquista, também calço 40; além de cozinhar, também leio Patricia Highsmith; além de hipocondríaco, também sou lisboeta.

Enfim, não há manif sem folclore, e não há folclore sem um emplastro ou um "cromo da bola". Neste caso saiu cromo.

2 comentários

  • Sem imagem de perfil

    blur 25.09.2012 19:49

    lllllolllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllll

    Muito falta a esta menina, principalmente coerência e princípios. Apesar dos apesares, a mesma pretendia mesmo os seus 15 segundos de fama! E conseguiu, porquê? Porque os Portugueses continuam a ver TV (eu não vejo desde 1996 e estou viva!), continuam a crer que na TV é que passa o que é importante. Continuam sem ler livros de cultura e/ou literatura. Continuam no fundo a ser subornados, sumptuosamente e subtilmente pelos péssimos exemplos de entretenimento, com os mais variados cromos (que nem quero imaginar, pois o último Big Brother que vi, foi o 1º). Continuem a ver novelas e Big Brothers, continuem sem fazer tertúlias de leitura em casa em família, continuem a deixar o vosso cérebrozinho ser convencido do que é melhor pela TV! Não se mexam e mudem sempre de canal! Esta rapariga é de uma geração que pouco teve de se esforçar, que pouco sabe e pouco estuda... Não há muito mais a dizer. Foi inteligente o suficiente para conseguir o que queria: fama. Mas, minha menina, atenção, nem os líderes de Bancos Centrais estão livres de cair a queda maior: aquela que vai da maior fama à pior. Cuidado! Acho mais sensato se eu mesma, der o meu exemplo e lutar por princípios e valores, não, nunca lutar pela fama, já a recusei seguramente, pelo menos, duas vezes na minha vida. Espero que todos repensem algumas atitudes, como esta, que se têm alimentado nas manifestações ultimamente. Façam coisas por acreditar nelas, não se usem de "fica bem eu abraçar o polícia" porque até mesmo para o polícia não se sentirá bem. A menina que pôs a flor na espingarda no 25 de Abril de 1974 não é famosa, nem rica. Mas, tem os mesmos princípios e isso faz dela uma mulher inteira que se formou civicamente, que até hoje acredita no que fez! Não é uma croma que muda de carácter como quem muda de mini-saia!
    Bem-haja a todos por lerem.
    Que a lute continue pacífica e sem cromos destes!
    Todos juntos venceremos sem nódoas.
    Até breve...
    Bom resto de ano 2012
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Blog da semana

    Gisela João O doce blog da fadista Gisela João. Além do grafismo simples e claro, bem mais do que apenas uma página promocional sobre a artista. Um pouco mais de futuro neste universo.

    Uma boa frase

    Opinião Público"Aquilo de que a democracia mais precisa são coisas que cada vez mais escasseiam: tempo, espaço, solidão produtiva, estudo, saber, silêncio, esforço, noção da privacidade e coragem." Pacheco Pereira

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mais comentários e ideias

    pedro.roloduarte@sapo.pt

    Seguir

    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2012
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2011
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2010
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2009
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2008
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2007
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D